Página Inicial > Dissertações > Dissertações Defendidas > Resumos de Dissertações

 

Dissertações

Dissertações Validadas

Dissertações Defendidas

Editais de Dissertações

 

Dissertações

Resumos de Dissertações


 

240


Os recursos educacionais abertos e a materialização do sujeito leitor aprendente no projeto OpenLearn da Open University

Nágila Cristina Hinckel


Dia 13 de junho de 2011, às 14 horas e 30 minutos

Auditório do Bloco C do Campus da Grande Florianópolis da Unisul

Dra. Nádia Régia Maffi Neckel – UNISUL (orientadora);

Dra. Dulce Márcia Cruz – UFSC (avaliadora);

Dra. Jucimara Roesler – UNISUL (avaliadora); e

Dra. Solange Maria Leda Gallo – UNISUL (suplente)


Resumo:

 

Ao considerar os processos de movência de sujeitos e sentidos da/na sociedade contemporânea este trabalho tem como objetivo analisar o funcionamento de ambientes de aprendizagem virtual, a partir dos dispositivos metodológicos e analíticos da Análise do Discurso. Através destes dispositivos far-se-á um recorte de análise que se constituí do contraponto entre duas forma-sujeito diferenciadas, que partem de ordens discursivas distintas: O aprendiz virtual da EaD e o Leitor Virtual da AD. A hipótese levantada por esta pesquisa funda-se na existência de uma terceira forma-sujeito, que se constitui da articulação das duas primeiras, já citadas. Para tanto, serão considerandos os elementos que, ao longo dos deslocamentos (de sujeitos e sentidos) do/no espaço virtual do projeto OpenLearn, corroborem para uma possível identificação deste Leitor Aprendente que se busca materializar. Durante o processo de análise, fundamentada no dispositivo teórico da AD, objetiva-se ainda identificar as diferentes posições assumidas pelos sujeitos no/do ambiente virtual. Na descrição do corpus através das ferramentas presentes no projeto OpenLearn e do LabSpace, evidencia-se as condições de produção do sujeito aprendente e marca-se os possíveis movimentos de sujeitos. Esta movimentação confere ao sujeito, através da autoria de Recursos Educacionais Abertos, a possibilidade de deslocar-se para a posição de Leitor Aprendente, em “constante” construção de conhecimento. Como base teórica para tais formulações, buscou-se principalmente em Orlandi (2009), as noções de Função Autor e Efeito Autor; em Gallo (1995), a noção de Autoria e, em Morin (2008), a noção de Complexidade. Desta forma, o processo de análise apontou para a constituição de dois sujeitos distintos: um referente à Análise do Discurso - sujeito leitor virtual- em contraponto com outro sujeito, constituído pela Educação a Distância - o aprendiz virtual; que em articulação, deslocam-se para uma terceira posição, denominada nesta pesquisa: Sujeito Leitor Aprendente. Sob a perspectiva da Análise do Discurso e dos dispositivos teóricos que deram suporte ao gesto de interpretação deste trabalho, é possível, pelo menos em parte, dissolver antigos modelos paradigmáticos de aluno real versus virtual.

 

Palavras-chave:

 

Análise do Discurso. Educação a Distância. Sujeito Leitor aprendente.


versão integral

 

Programa de Pós-Graduação em Ciências da Linguagem

Campus Tubarão:  Av. José Acácio Moreira, 787, Bairro Dehon, 88.704-900 - Tubarão, SC - (55) (48) 3621-3369

Campus Grande Florianópolis: Avenida Pedra Branca, 25, Cidade Universitária Pedra Branca, 88137-270 - Palhoça, SC - (55) (48) 3279-1061