Página Inicial > Dissertações > Dissertações Defendidas > Resumos de Dissertações

 

Dissertações

Dissertações Validadas

Dissertações Defendidas

Editais de Dissertações

 

Dissertações

Resumos de Dissertações


 

225


Teoria da relevância e etiquetagem de rupturas na comunicação homem computador

Neli Miglioli Sabadin


Dia 26 de outubro de 2010, às 14 horas.

Sala 105, Bloco A, Campus de Tubarão da Unisul.

Dr. Fábio José Rauen – UNISUL (orientador);

Dr. Jorge Campos da Costa – PUCRS (avaliador);

Dr. Rafael Avila Faraco – UNISUL (avaliador); e

Dr. Maurício Eugênio Maliska – UNISUL (suplente)


Resumo:

 

Esta dissertação visou analisar o processo de etiquetagem de rupturas de comunicação como parte do Método de Avaliação de Comunicabilidade – MAC da Engenharia Semiótica, a partir da abordagem da Teoria da Relevância de Sperber e Wilson (1986, 1995) e, por decorrência, estabelecer algumas contribuições da Teoria da Relevância para a etiquetagem inferencial de rupturas da comunicação homem computador. Para dar conta desses objetivos, foram analisados quatro filmes etiquetados sobre a utilização do software ProfesSort em duas tarefas consecutivas executadas por dois estudantes. Como o software ProfesSort foi desenvolvido pelo Departamento de Ciência da Computação (DCC) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) para a disciplina Algoritmos e Estruturas de Dados II (AEDs II) para consolidar o aprendizado de algoritmos de ordenação, a pesquisa também investigou a influência de características intrínsecas de um software destinado ao ensino e à aprendizagem no processo de etiquetagem de rupturas. A análise dos dados sugere a pertinência de uma análise das causas cognitivas das ações empreendidas pelos usuários, detectando três recorrências: a) a atribuição das etiquetas pelos analistas de Engenharia Semiótica não capta, na maioria dos casos, a origem cognitiva da ruptura comunicacional, porque está fundamentada apenas nos comportamentos objetivos dos usuários; b) a análise da origem cognitiva das rupturas comunicacionais, com base no aparato descritivo e explanatório da teoria da relevância, sugere haver duas espécies de problemas de comunicação, uma de ordem metodológica, quando problemas de software induzem o usuário ao erro, e outra de ordem epistemológica, quando o usuário erra a execução por não ter ainda assimilado a regra de ordenação, distinção essa não captada pela análise semiótica dos comportamentos objetivos; e c) em função de (a) e de (b) houve inconsistências na atribuição de etiquetas, sugerindo a necessidade de se considerar com mais acuidade a influência de aspectos inferenciais do analista na atribuição de etiquetas.

 

Palavras-chave:

 

Interação Homem Computador. Teoria da Relevância. Engenharia Semiótica.


versão integral

 

Programa de Pós-Graduação em Ciências da Linguagem

Campus Tubarão:  Av. José Acácio Moreira, 787, Bairro Dehon, 88.704-900 - Tubarão, SC - (55) (48) 3621-3369

Campus Grande Florianópolis: Avenida Pedra Branca, 25, Cidade Universitária Pedra Branca, 88137-270 - Palhoça, SC - (55) (48) 3279-1061