Página Inicial > Dissertações > Dissertações Defendidas > Resumos de Dissertações

 

Dissertações

Dissertações Validadas

Dissertações Defendidas

Editais de Dissertações

 

Dissertações

Resumos de Dissertações


 

191


Drácula Transmutado: Estudos sobre Tradução e Inventividade Estética

 

Elizio Jorge Eluan Junior


Dia 4 de maio de 2009, às 19 horas

Auditório do Bloco C do Campus da Grande Florianópolis da Unisul

Dr. Fernando Simão Vugman - UNISUL (orientador);

Dra. Lívia Lopes Barbosa - UFPA (avaliadora);

Dr. Aldo Litaiff - UNISUL (avaliador); e

Dr. Antônio Carlos dos Santos - UNISUL (suplente


Resumo:

 

O termo tradução intersemiótica foi cunhado por Roman Jacobson para classificar aquele tipo de tradução que se faz de um meio para outro. Encaixa-se neste conceito, por exemplo, a adaptação de uma obra literária para o cinema. No desenvolvimento de obra homônima, Julio Plaza chega a afirmar que o processo de tradução intersemiótica, aplicada à produção estética, é um processo de transmutação sígnica, de recriação. Este tipo de tradução, portanto, admite a possibilidade de uma determinada inventividade estar declaradamente ligada a outra anterior. Tal admissão é recorrente no atual momento da produção estética, muitas vezes chamado de pós-modernismo, que se contrapõe ao período modernista anterior, que buscava desligar-se de toda a produção do passado. Com a motivação de entender melhor o processo criativo humano e o que se chama de pós-modernidade, a presente dissertação estuda a ressonância de vozes de outros autores em uma produção estética, seja esta produção uma adaptação fílmica de uma obra literária, seja ela uma produção não intencionalmente ligada a outra, comparando ambos os casos. Como antigos textos são reinscritos em uma “nova” textualidade? Como os signos de uma determinada cultura se cruzam? Para atingir tais objetivos usaremos como corpus o livro Drácula e o filme Drácula de Bram Stoker, fazendo uma análise de conteúdo de ambos. Serão estudados os conceitos sobre pós-modernismo, linguagem, estética, escritura, inventividade, além da própria tradução intersemiótica. Para isso, utilizaremos fortemente a semiótica e teorias pós-estruturalistas da linguagem encontradas em autores como Plaza, Peirce, Barthes, Derrida, Foucault, dentre outros.

 

Palavras-chave:

 

Adaptação, criatividade, drácula, pós-modernismo, semiótica.


versão integral

 

Programa de Pós-Graduação em Ciências da Linguagem

Campus Tubarão:  Av. José Acácio Moreira, 787, Bairro Dehon, 88.704-900 - Tubarão, SC - (55) (48) 3621-3369

Campus Grande Florianópolis: Avenida Pedra Branca, 25, Cidade Universitária Pedra Branca, 88137-270 - Palhoça, SC - (55) (48) 3279-1061